Lista de sugestões de filmes interessantes. Cada postagem traz foto, breve sinopse, censura, diretor, distribuidora, elenco, responsáveis pelo roteiro, musica e fotografia. Com o eterno deslumbramento de fã apaixonada, By Star Filmes acredita que o cinema emociona, ensina e é a melhor diversão.

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Frank e o Robô

Robot & Frank *
(2012) 89 min (10 anos)

EUA, num futuro próximo - Frank Weld parece regenerado da sua atividade de ladrão de jóias, depois de duas temporadas na cadeia. Para não dizer que deixou de ser amigo dos bens alheios, costuma furtar sabonetes e velas decorativas numa loja de objetos para casa. Separado da esposa há anos e tendo perdido as delícias da convivência diária com os filhos Hunter e Jessica pela estadia na prisão, Frank mora sozinho. Quando vai à cidade, gosta de passar na biblioteca, onde é amigo da encarregada Jennifer. Mesmo sendo um leitor voraz, o ladrão aposentado tem apresentando sérios problemas de memória. Hunter preocupa-se com ele, mas é casado, tem duas crianças, mora em outra cidade e precisa dirigir 10 horas cada vez que vai visitar o pai. A filha Jessica se comunica com Frank esporadicamente, em breves telefonemas, pois sua vida é dedicada a missões filantrópicas no Turcomenistão. 

A casa de Frank está suja, há roupas espalhadas por todo lado, o leite estraga na geladeira, mas ele rejeita a ideia de morar numa instituição onde receberia cuidados adequados. Hunter dá uma última chance ao pai e compra-lhe um robô programado para melhorar a saúde física e mental do proprietário. Relutante a princípio, o idoso acaba apreciando o presente. Seu cuidador eletrônico acredita em rotina, alimentação saudável e acordar cedo, mas, em compensação, não julga, ouve com paciência e é ótimo aluno na arte de abrir fechaduras. Juntos, os dois furtam o valioso exemplar de "Dom Quixote" da biblioteca local. Como o robô não conseguiu que seu paciente se interessasse por jardinagem, o jeito foi aderir a um novo projeto mais a seu gosto. O idoso elegeu como meta arrombar a casa de Jake, o vizinho desagradável que cismou em modernizar a biblioteca, tornando-a digital. Os livros de papel foram retirados das prateleiras, escaneados e depois reciclados. Bem provável que seja isso o que o futuro nos reserva...

"Frank e o Robô" proporciona momentos agradáveis e alguma surpresa. Os fãs de "Orgulho e Preconceito" também hão de apreciar o nome do robô da biblioteca. Jennifer batizou-o de Mr. Darcy. O filme do diretor Jake Shreier se presta a uma boa reflexão sobre a deterioração da memória dos idosos e os meios disponíveis para tentar preveni-la e minimizar suas consequências.

Curiosidades:
* O carro pequenino e veloz que ultrapassa Frank quando ele desce a rua é um Tango, fabricado pela Commuter Cars.

* A voz mansa e envolvente do robô pertence ao ator Peter Sarsgaard. Durante as filmagens, coube à dançarina Rachael Ma fornecer a Frank Langella as falas do robô. Mas o traje causou à dançarina tal calor e desconforto, que ela não conseguiu atuar fisicamente e falar ao mesmo tempo. Foi substituída durante dois dias pelo sobrinho de Langella, que era assistente de produção no set. (wikipedia)

Diretor: Jake Schreier
Roteiro: Christopher D. Ford
Musica: Francis and the Lights
Fotografia: Matthew J. Lloyd
Elenco: Frank Langella, Susan Sarandon, James Marsden, Liv Tyler, Peter Sarsgaard, Jeremy Strong, Jeremy Sisto, Rachael Ma, Bonnie Bentley, Ana Gasteyer
Distribuidora: Sony Pictures

*** excelente
** ótimo
* bom
Sem Asterisco - interessante
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

banner