Lista de sugestões de filmes interessantes. Cada postagem traz foto, breve sinopse, censura, diretor, distribuidora, elenco, responsáveis pelo roteiro, musica e fotografia. Com o eterno deslumbramento de fã apaixonada, By Star Filmes acredita que o cinema emociona, ensina e é a melhor diversão.

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Carruagens de Fogo


Chariots of Fire * * *
(1981) 123 min (Livre)

"Carruagens de Fogo" conduz-nos através da história real da equipe de corredores da Grã-Bretanha, nas Olimpíadas de 1924. Focaliza especialmente Harold Abraham, filho de um próspero financista judeu, e Eric Liddell, missionário escocês, nascido na China. Abraham corre pela fama, para vencer o preconceito, pois sente a relutância alheia num simples aperto de mão. Assim que chega à faculdade aceita o desafio não vencido em 700 anos: completar o perímetro da quadra antes do soar da 12ª badalada do sino. Eric, o Escocês Voador, corre livre pela glória de Deus. Acredita que Deus o criou com um objetivo, mas também o criou veloz, para que corra em Seu nome e maravilhe o mundo.
Acompanham-nos amigos da universidade de Cambridge. O simpático Aubrey Montague, que escreve suas experiências e compete para dar orgulho aos pais. E o nobre Lord Andrew Lindsay, que participa da disputa por amor à velocidade e ao esporte. São 4 homens com esperança no coração e asas nos pés.

Mais do que um filme sobre Jogos Olímpicos, essa é uma história inspiradora sobre decisões morais. Um treinamento de integridade, coragem, generosidade e carácter. Qualidades essenciais ao verdadeiro espírito esportivo.



Não há melhor preparação para as Olimpíadas do que assistir "Carruagens de Fogo" com a família e amigos. Se o som do equipamento for bom, a música de Vangelis Papathanassiou se espalhará pela sala e será possível distinguir até o grasnido das gaivotas na praia.
Prêmios: Oscar de melhor filme, roteiro, música e figurino.



Na vida real:
* Lord David Bughley, 6º Marquês de Exeter, (Lord Andrew Lindsay no filme) foi o primeiro homem a completar a "Great Court Run" (a grande corrida na quadra), não Harold Abrahams. Isso foi mudado porque o produtor David Puttnam era socialista e não queria mostrar um Lorde ganhando. Não é uma arrematada bobagem? Esta foi uma das razões pela qual Lord Bughley não consentiu que seu nome fosse usado no filme.
Lord David George Bughley
* O texto da Bíblia foi entregue a Eric Liddell pelo técnico do time americano e não por Jackson Scholz. O roteirista Colin Welland voou até à Flórida pra obter a permissão de Scholz para essa licença artística.
Eric Lidell

* A cerimônia na Igreja, que abre e fecha o filme, é baseada no verdadeiro funeral de Harold Abrahams, que se converteu ao Cristianismo no final da vida.

Harold Abraham


Diretor: Hugh Hudson
Roteiro: Collin Welland
Música: Vangelis Papathanassiou
Fotografia: David Watkin
Elenco: Ian Charleson, Ben Cross, Nigel Havers, Nicholas Farell, Alice Krige, Ian Holm, John Gielgud, Brad Davis, Nigel Davenport.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

banner