Lista de sugestões de filmes interessantes. Cada postagem traz foto, breve sinopse, censura, diretor, distribuidora, elenco, responsáveis pelo roteiro, musica e fotografia. Com o eterno deslumbramento de fã apaixonada, By Star Filmes acredita que o cinema emociona, ensina e é a melhor diversão.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Kamchatka

Kamchatka * *
(2002) 103 min (Livre)



Argentina, Buenos Aires, 1976 - O que é uma família feliz? A família de David Vincent é feliz. Faltam-lhes supérfluos, mas possuem a alegria do convívio harmonioso e confortável de pessoas que têm intimidade e se respeitam. A mãe trabalha no laboratório da universidade e o pai é advogado de presos políticos. Quando o escritório é invadido pela polícia e seu sócio é levado, David parte com a mulher e os 2 filhos. Deixam a casa, escola, roupas, livros e brinquedos, despindo-se de seus nomes verdadeiros e vão para o "retiro", um sítio emprestado por amigos de alguns amigos. O que poderia ser vivido como tragédia, é aceito com naturalidade. Os meninos são instruídos a cada passo a não usar o telefone, a decorar as novas identidades e estar prontos para uma fuga.

David Vincent é o nome do arquiteto da série americana "Os Invasores" (The Invaders), sempre viajando para alertar os terráqueos, pois é o único a saber sobre o grupo de alienígenas que pretende dominar o planeta. Os extra-terrestres eram despidos de emoção e tinham o dedo mindinho rígido. O programa fez sucesso na temporada de 1967-1968.

A história de Kamchata é vista pelos olhos do filho de 10 anos, que adota o nome de Harry, em homenagem a Houdini, o escapista húngaro dos desafios incomparáveis e espetaculares. Junto com o pai, ele joga TEG, um jogo semelhante ao WAR, da Grow. O objetivo é dominar os 50 territórios do mapa terrestre no tabuleiro. Daí vem o nome do filme. Quando David fica encurralado na península russa de Kamchatka, Harry, dominando o resto do mundo, acha que chegou sua oportunidade de vencer o pai nos dados. Mas Kamchatka é um lugar onde a alma se refugia quando tudo mais lhe é hostil. E assim se refaz, esperando melhores tempos.

Num momento especialmente feliz, a família dança ao som de "Calhambeque", de Erasmo Carlos, interpretado por Caetano Veloso. Atenção para a belíssima canção dos créditos finais, "Palabras para Julia", na voz de Liliana Herrero. A letra também é linda, tirada de um poema de José Agustín Goytisolo, música de Paco Ibañez. Se o filme não for mais encontrado na locadora Moviola, em Laranjeiras, só procurando na Amazon. No momento há três exemplares usados por 125,00 dólares, cada um. Espero que ainda dê para fazer download em algum site.


a incrível beleza natural de Kamchatka

Diretor:
Marcelo Piñeyro
Roteiro: Marcelo Figueras, Marcelo Piñeyro
Música: Bingen Medizábal
Fotografia: Alfredo F. Mayo

Elenco: Ricado Darín, Cecilia Roth, Fernando Mistral, Tomás Fonzi, Matías Del Pozo, Hector Altério.
Distribuidora: Versatil Home Video



"PALABRAS PARA JULIA" (lyrics)
Tú no puedes volver atrás, porque la vida ya te empuja como un aullido interminable, interminable.
Te sentirás acorralada, te sentirás perdida y sola, tal vez querrás no haber nacido, no haber nacido.

Pero tu siempre acuérdate de lo que un día yo escribí pensando en ti, pensando en ti, como ahora pienso.
La vida es bella, ya verás como a pesar de los pesares tendrás amigos, tendrás amor, tendrás amigos...

Un hombre solo, una mujer así tomados, de uno en uno son como polvo, no son nada, no son nada.

Entonces siempre acuérdate de lo que un día yo escribí pensando en ti, pensando en ti, como ahora pienso.

Otros esperan que resistas, que les ayude tu alegría ,
que les ayude tu canción entre sus canciones.
Nunca te entregues ni te apartes junto al camino, nunca digas no puedo más y aquí me quedo, y aquí me quedo.

Entonces siempre acuérdate, de lo que un día yo escribí pensando en ti, pensando en ti,
como ahora pienso.
La vida es bella, ya verás como a pesar de los pesares tendrás amigos, tendrás amor, tendrás amigos...

No sé decirte nada más pero tú debes comprender que yo aún estoy en el camino, en el camino...

Pero tu siempre acuérdate de lo que un día yo te escribí pensando en ti, pensando en ti, como ahora pienso.

https://www.youtube.com/watch?v=KIKFLPn7rKI

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

banner