Lista de sugestões de filmes interessantes. Cada postagem traz foto, breve sinopse, censura, diretor, distribuidora, elenco, responsáveis pelo roteiro, musica e fotografia. Com o eterno deslumbramento de fã apaixonada, By Star Filmes acredita que o cinema emociona, ensina e é a melhor diversão.

domingo, 20 de novembro de 2011

A Árvore da Vida

The Tree of Life *
(2011) 138 min (10 anos)

EUA, Texas - Jack O' Brien teve 2 irmãos, companheiros de brincadeira na década de 50. Atualmente, mesmo tendo se tornado um profissional bem-sucedido e casado, parece ser um homem solitário e infeliz.

Esperei tanto por este filme, sabendo que deveria ter ido logo ao cinema para apreciá-lo melhor. E, no final, assistindo em casa, fiquei um tanto dividida entre o "gostei" e "é meio arrastado". A fotografia é linda, uma arte delicada do cinegrafista Emmanuel Lubezki. Há sequencias espetaculares, como  aquelas astrofísicas criadas por Douglas Trumbull, responsável pelos efeitos especiais de 2001, Uma Odisséia no Espaço. (Dennis Lim, para o New York Times) Outras são já conhecidas, como cataratas, as piscinas de lama borbulhante ou a nebulosa chamada de Olho de Deus, fotografada pelo telescópio Hubble. A música belíssima casa-se perfeitamente com o visual e o elenco atua com brilho.

Também o tema é fascinante: a cisão interna de Jack O'Brien, como o garoto dividido entre as lições de um pai severo, materialista, e a mãe, mais amorosa e espiritual. Esse drama é contextualizado na linha do tempo entre o nascimento e o fim de uma Terra já sem vida, orbitando em torno da anã branca que um dia foi nosso sol. (Wikipedia) Que representamos nós na história de nosso planeta?

Tal desolação combina com o sentimento de frustração do pai que buscava o sucesso e não vê valor nas próprias realizações. Sua presença contribuía para a sensação de ameaça que permeia a ação, oscilando entre momentos de violência, solicitações de afeto e instruções sobre como ser esperto nessa vida. É triste testemunhar a desilusão de quem sente ter abraçado os sonhos errados.

Quem aposta na evolução espiritual, no caminho da graça, tem mais chance de alcançar a felicidade nessa Terra, ainda que desconheçamos o que nos aguarda depois. O que me lembra o "Discurso Bom para um Garoto", feito pelo tio Hub (Robert Duvall) no filme Lições para Toda Vida. São aquelas coisas nas quais vale a pena acreditar.

Diretor: Terrence Malik 
Roteiro: Terrence Malik
Musica: Alexandre Desplat
Fotografia: Emmanuel Lubezki (Queime Depois de Ler, Filhos da Esperança, A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça, A Princesinha)
Elenco: Brad Pitt, Sean Penn, Jessica Chastain, Hunter McCracken, Laramie Eppler, Tye Sheridan, Fiona Shaw, Joanna Going, Samantha Martinez
Distribuidora: Imagem Filmes
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

banner